CNI lança site de compras corporativas para a indústria

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) lançou, em Brasília, o Clube Indústria de Benefícios, site de compras corporativas semelhante a um portal de compras coletivas da indústria, e que vai atender diretamente mais e 600 mil fábricas brasileiras.

Segundo explicou o gerente executivo de Relações do Trabalho da CNI, Emerson Casali, o objetivo é reduzir custos para a indústria, em especial para as micro e pequenas empresas industriais, que representam hoje 98% do setor produtivo nacional. "Se 20% das indústrias brasileiras economizarem R$ 10 mil por ano com o site, já estaremos falando em uma economia anual de R$ 1,2 bilhão para o setor", disse.

O projeto tem parceiros como a Totvs, Ticket, Senai e Sesi, além de empresas como a TAM, DHL e Serasa Experian. Ao todo, são 58 companhias que ofertarão produtos e serviços no site www.clubeindustria.com.br, número que deve chegar a 200 em dois meses e a 800 até o fim do ano, conforme explicou o gerente executivo da CNI.

O investimento inicial do Clube Indústria é de R$ 5 milhões, valor que deve aumentar conforme novas empresas anunciem no site. De acordo com Casali, novos parceiros serão anunciados nas próximas semanas pelo site e pelos perfis do Clube Indústria nas redes sociais, como o Twitter (@clubeindustria) e o Facebook (Facebook/clubeindustria).

O gerente executivo da CNI explicou que o Clube Indústria utiliza o modelo conhecido como B2B (Business to Business), que põe em contato direto compradores e fornecedores. "Ao encontrar no site uma oferta de produto ou serviço que tenha interesse, a indústria imprime um cupom com o desconto e passa a negociar diretamente com o anunciante. Cada cupom terá um código de acesso que só poderá ser efetivado com a confirmação do CNPJ da indústria compradora, de modo a evitar que uma pessoa física efetue compras pessoais", afirmou.