CertForum em Recife proporciona grandes debates sobre a ICP-Brasil

CertForum em Recife proporciona grandes debates sobre a ICP-Brasil

Composto por membros do governo, da iniciativa privada e da sociedade civil organizada, o público presente interagiu bastante durante os momentos de debate, o que enriqueceu as mesas de apresentações e as palestras
Data da publicação: 04/12/2017
Na última quarta-feira, 29, o 15º CertForum foi realizado na cidade de Recife. Composto por membros do governo, da iniciativa privada e da sociedade civil organizada, o público presente interagiu bastante durante os momentos de debate, o que enriqueceu as mesas de apresentações e as palestras.
 
Na mesa de abertura estiveram presentes o diretor-presidente do Instituto Nacional de Tecnologia da Informação (ITI) Gastão José de Oliveira Ramos, e o diretor-presidente da Agência Estadual de Tecnologia da Informação (ATI) Romero Guimarães. Nas palavras do mandatário do ITI, a realização do evento em Recife é oportunidade para o governo federal fazer-se presente nos estados, demonstrando como seu trabalho em âmbito federal impacta positivamente as unidades federativas.
 
“Ao mesmo tempo, é possível perceber o quanto já se fez na área da certificação digital ICP-Brasil em Pernambuco. As palestras que aqui terão vez demonstrarão que nossos esforços resultam em boas iniciativas país afora”, enfatizou.
 
Ao encontro das palavras de Gastão, o diretor-presidente da ATI evidenciou as iniciativas locais como o Sistema Estadual de Registro Civil (SERC) desenvolvido pela Agência. Conforme explicou Romero Guimarães, o SERC integra as maternidades aos cartórios, possibilitando a emissão de certidões de nascimento digitais. Guimarães também mencionou o Serviço Eletrônico de Informações (SEI), o Sistema Integrado de Gestão de Pernambuco (PE-Integrado), além da Plataforma Digital do Cidadão.
 
Apresentações
 
“O Uso do certificado digital em empresas privadas” foi o tema da apresentação do grupo O Boticário. A coordenadora e a analista de franchising Adriana Fernandes e Rafaela Jorge detalharam como os integrantes da rede de afiliados da empresa firmam seus contratos de forma digital e desburocratizada, assinando estes atos com o emprego do certificado ICP-Brasil. Segundo as palestrantes, os maiores desafios foram vencer a cultura do uso do papel e o convencimento dos setores administrativo e jurídico quanto à viabilidade e a economicidade da iniciativa.
 
O diretor de Auditoria, Fiscalização e Normalização do ITI Rafaelo Abritta fez a palestra “ITI em números”. Na oportunidade, Abritta enalteceu os trabalhos desenvolvidos para dar celeridade aos processos de credenciamento na ICP-Brasil. Para o diretor, as práticas que representam riscos à higidez da Infraestrutura vêm sendo combatidas por meio de normas e regras aprovadas em reuniões do Comitê Gestor da ICP-Brasil que mais se adequaram às atuais necessidades.
 
“Hospitais Digitais” foi o tema da Gerente de Produtos da MV, Daênnye Bezerra. Segundo demonstrou em sua apresentação, os hospitais evoluíram consideravelmente em setores de atendimento, internação, ambulatório e cirurgia. No entanto, quando o assunto é arquivamento de dados e produção de informações, o cenário atual não é muito diferente do de 30 anos atrás. “Uma coisa é ser um hospital moderno. Outra, bem diferente, é ser um hospital digital. Esse é o desafio que temos encontrado na condução de nossos trabalhos e, graças a tecnologias como a da certificação digital ICP-Brasil, temos conseguido digitalizar rotinas e procedimentos de nossos clientes”, afirmou Bezerra.
 
Os desafios, as perspectivas e os diferentes cenários da gestão empresarial foram aspectos apresentados pelo Gerente de Projetos da Junta Comercial de Pernambuco (Jucepe), Flávio Valença em sua palestra “Processos Digitais com Certificado ICP-Brasil”. Para o gerente, a certificação digital é o documento que viabiliza a transição do antigo para o novo modelo de interação entre o empresário e as novas tecnologias, sendo a Jucepe indutora deste processo.
 
Por fim, o superintendente de Tecnologia da Informação da Companhia Editora de Pernambuco (Cepe) Fernando Paranhos, e o gerente-geral de Informações da Secretaria de Mobilidade e Controle Urbano da Prefeitura de Recife (Semoc) apresentaram os seus respectivos projetos de digitalização de documentos e trâmites administrativos.
 
 
 
Fonte: ITI
CLSW 105 - bl. A - salas 104 a 106 / Sudoeste - Brasília-DF - 70670-431 - (61) 3234.6282